Ana Cristina Rodrigues lança quarto livro no Jardim do Paço

Por: André J. Gomes

Aos 14 anos de idade, a jovem escritora Ana Cristina Rodrigues Henrique já acumula uma consistente carreira literária: desde a publicação de seu primeiro livro, em 2015, quando tinha apenas 11 anos, a menina não parou de escrever. Na tarde desta quarta-feira (2), em plena adolescência, Ana lançou seu quarto título, o romance “Vivendo no Automático”.

Com a presença do prefeito José Crespo e de vários secretários de governo, o evento aconteceu no jardim do Paço Municipal e reuniu grande parte dos servidores municipais.

“O livro trata de uma questão muito atual, que é a presença da Internet e das redes sociais na minha geração”, explica a autora, que tem feito uma série de palestras em escolas e empresas, dentro e fora de Sorocaba, para falar da importância da leitura na formação dos jovens.

O prefeito José Crespo, admirador entusiasmado da literatura de Ana Cristina, ressalta a relevância do trabalho dela. “Aninha é um exemplo para todos os nossos jovens. Com a
qualidade do trabalho que faz, está levando o nome de Sorocaba para outras cidades e isso merece todo o nosso apoio”, elogiou o prefeito.

Segundo a mãe de Aninha, a servidora municipal Andréa Rodrigues, o talento da filha começou cedo. “Ela nasceu com esse dom, escreve desde muito pequena, e isso é motivo de grande alegria para a nossa família”, diz Andréa.

Participaram também do lançamento o editor Sérgio Diniz da Costa, responsável pela revisão do livro, o presidente do Conselho da Cultura de Penápolis, Olmaier Perez Rillo, e a professora Keli Rufino, de quem Ana é aluna no Colégio Politécnico de Sorocaba.

 

Tags: