Apresentado ao prefeito Crespo o projeto ‘Aquaponia Social’

Por: Carol Fernandes - programa de Estágio - Neide Barbosa - Supervisão

O prefeito José Crespo participou na última quinta-feira (31), no Salão de Vidro do Paço Municipal, da apresentação do projeto Aquaponia Social, que deverá ser desenvolvido pela prefeitura em parceria com a INMED – Partnerships for Children, e levado inicialmente ao Centro de Referência em Assistência Social (Cras), do Residencial Carandá (Zona Norte). O projeto, que já é desenvolvido em outros país, deve beneficiar  toda a comunidade do entorno e também do Altos do Ipanema.

O sistema de aquaponia prevê a construção de tanques e canteiros feitos de concreto para a criação de peixes (aquicultura) e de verduras (hidroponia) no mesmo local, utilizando uma área de 530 m², para fornecer alimentos de qualidade e promover a cultura da alimentação saudável com baixo custo para a comunidade.

O projeto foi apresentado na prefeitura no final de 2018 pela Dra. Linda Pfeiffer, presidente da INMED – Partnership for Children, entidade internacional, sem fins lucrativos, que combate a desnutrição e a má alimentação infantil, e que já desenvolve ações semelhantes na Jamaica, Peru e África do Sul.

Para a implantação do projeto, a Prefeitura de Sorocaba contribui integrando a sociedade, disponibilizando a área e envolvendo o setor produtivo para que patrocinem financeiramente o projeto, que não terá utilização de recursos públicos. Já a INMED trabalha com a implementação da técnica e capacitação da comunidade. O projeto-piloto será realizado no Cras Carandá ao longo dos meses deste ano. Contudo, nos próximos anos, o projeto deve ser expandido para outras quatro unidades do Cras.

A “Aquaponia Social” envolve uma verdadeira força-tarefa entre o Saae-Sorocaba, a Promotoria Econômica, núcleo vinculado ao Gabinete Central, e as secretarias de Igualdade e Assistência Social (Sias); Planejamento e Projetos (Seplan); Educação (Sedu); Agricultura, Abastecimento e Nutrição (Seaban); Habitação e Regularização Fundiária (Sehab); Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda (Sedeter); Cidadania e Participação Popular (Secid); Meio Ambiente (Sema).

De acordo com o Diretor-Chefe da Promotoria Econômica, Manoel David Korn de Carvalho, o próximo passo do projeto é realizar novas reuniões entre as secretarias municipais envolvidas e buscar possíveis patrocinadores. Voluntários e interessados em colaborar com o Aquaponia Social podem entrar em contato com a Promotoria Econômica através do telefone (15) 3238-2235 ou pelo e-mail promotoria_economica@sorocaba.sp.gov.br.

Muito mais por Sorocaba!

Tags:, ,