Conservação de animais e o papel dos zoos serão tratados em curso de férias no ‘Quinzinho de Barros’

Por: Mariana Campos – macampos@sorocaba.sp.gov.br

Garotos e garotas, de 12 a 16 anos de idade, vão participar a partir de terça-feira (28), das 8h30 às 11h40, do curso de férias “Animazoo Adolescente” no Parque Zoológico Municipal “Quinzinho de Barros”. Promovida pela Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria do Meio Ambiente e Sustentabilidade (Sema), a programação ocorrerá até o dia 1º de fevereiro e contará com brincadeiras, oficinas, bate-papo, entre outras atividades especiais.

O tema desta edição será “Não deixe as cores se apagarem: Todos juntos pela conservação”, proposta pela Associação de Zoológicos e Aquários do Brasil (Azab). Desde 2013, a Azab escolhe um animal para ser símbolo da campanha anual. Este ano seis animais foram escolhidos, retomando as campanhas dos anos anteriores, são eles: a anta, o tamanduá, o mico-leão-dourado, o lobo-guará, o papagaio e o cavalo-marinho.

O objetivo da Secretaria do Meio Ambiente será apresentar os animais da campanha e o importante papel que o zoológico de Sorocaba e outros zoos desempenham em prol da conservação não apenas dos animais, mas da natureza como um todo.

 

Programação

No primeiro dia, os adolescentes serão apresentados ao tema do curso de férias e vão aprender sobre o nome científico e as características das seis espécies de animais. A equipe da Sema também exibirá um vídeo sobre os problemas causados pelo lixo que acaba chegando no mar e apresentar o cavalo-marinho. Para encerrar, eles farão uma visita monitorada no zoo para conhecer os outros animais que fazem parte do tema do curso.

Na quarta-feira, a equipe de Educação Ambiental da Sema vai tratar das funções do zoo (pesquisa, lazer, conservação e bem-estar animal) e, em seguida, eles conhecerão os bastidores do parque, participando de uma visita monitorada nos setores de Nutrição e de Biologia e Veterinária. Também nesse dia, será abordada a questão do tráfico ilegal de animais da fauna silvestre. Em outra atividade, os adolescentes vão aprender sobre a conservação das espécies e o importante papel dos zoológicos, e ainda fazer uma pegada do lobo-guará utilizando gesso e garrafa pet.

Já na quinta-feira, a Sema vai apresentar aos participantes o rico acervo do Museu de Zoologia e falar sobre a técnica da taxidermia. A ideia será tratar também do problema do desmatamento e das queimadas para os animais. Para finalizar, os jovens vão aprender sobe a função lazer que o zoo desempenha e vão customizar camisetas trazidas de casa utilizando stêncil, carimbos e tinta para tecido.

Na sexta-feira, o assunto será a função de bem-estar animal que o zoo desempenha e sobre uma das estratégias utilizadas, que é o enriquecimento ambiental. Para isso, os jovens vão preparar bolos para as antas para celebrar o aniversário de um ano da “Julianta” em frente ao recinto da espécie. Outras atividades programadas são o “Torta na Cara” e o acompanhamento dos cuidados que a Mel, uma mandril idosa e diabética do zoo, recebe dos funcionários do parque.

Para encerrar, no sábado todos participarão do Grande Jogo, no qual serão distribuídas pistas referentes a todos os bichos da Campanha da Azab para os grupos seguirem e encontrarem o “tesouro”, seguido de um lanche coletivo.

O “Quinzinho de Barros” está localizado na rua Theodoro Kaisel, 883, na Vila Hortência, e funciona de terça a domingo, das 9h às 17h. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (15) 3227.5454.

Tags: