Desfile dos Tropeiros acontece neste domingo em Sorocaba

Por: Secom Sorocaba

Os sorocabanos vão poder prestigiar neste domingo (27), a partir das 10h, o tradicional Desfile dos Tropeiros pelas ruas da cidade. Antes disso, no sábado (26), por volta de 10h, a tropeada vinda de Itararé chegará a Sorocaba. Eles farão um percurso pelas ruas da cidade e serão recepcionados no antigo almoxarifado da Fepasa, ao lado da E.M. “Matheus Maylasky”, local de concentração do grupo.

Promovida pela Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria da Cultura e Turismo (Secultur), as atividades integram a programação da 51ª Festa do Tropeiro, que tem como objetivo celebrar a cultura tropeira e reforçar a sua importância na história da cidade, aproximando-a dos cidadãos.

No sábado, a tropeada chegará pela Estrada José Ribeiro Leite e seguirá um trajeto, parando, por volta de 11h, na Capela do Divino para receber a tradicional benção. O percurso será: avenida Américo Figueiredo, rua Comendador Vicente Amaral, rua José Marques de Oliveira,  rua Gerônimo Marçal, rua Ofélia Santuci Romanó, rua Ana Conceição Fragoso, Estrada Heitor Cury, Estrada Luiz Fernando Andrade Pannunzio, rua Giácomo Zorzi, avenida Dr. Luiz Mendes de Almeida, avenida Santa Cruz, avenida Dr. Armando Pannunzio, avenida General Carneiro, rua Humberto de Campos, avenida Dr. Afonso Vergueiro, rua Luiz Gama, rua Moacyr Figueira, chegando à concentração.

Já no domingo, às 10h, os cavaleiros e muladeiros vão sair do antigo almoxarifado da Fepasa e vão seguir pela rua Paissandu, rua Aparecida, Alameda Kenworthy, rua Capitão Carlos Malheiro Oetterer, rua Nicolau Alonso Filho, rua Ossis Salvestrini Mendes, rua Padre Madureira até chegar na avenida São Paulo, quando os homens serão abençoados durante a passagem pelo Monumento ao Tropeiro, em frente à Santa Casa de Misericórdia. Em seguida, a comitiva segue pela rua Souza Pereira, rua Álvaro Soares, avenida Afonso Vergueiro, rua Luiz Gama, rua Moacyr Figueira e retorno ao local do pouso.

Ao final do trajeto, o público poderá conferir ainda uma exposição de cutelaria no antigo almoxarifado da Fepasa e uma apresentação musical gratuita. O local também abrigará uma praça de alimentação.

Agentes de trânsito da Urbes vão dar apoio nos dois dias de evento para garantir a segurança das pessoas. Os desvios necessários serão feitos conforme a passagem dos participantes e as vias serão liberadas após a passagem da tropa. Em alguns locais que for possível será feito o trajeto compartilhado.

 

Tropeirismo

O início do Tropeirismo em Sorocaba aconteceu por volta de 1750 com o registro de animais na cidade, que transformou Sorocaba em passagem de tropas xucras ou arreadas. Como consequência desse evento, eram realizadas as famosas ‘Feiras de Muares’ que normalmente tinham duração de dois meses. O tropeiro era responsável pela circulação de produtos destinados à exportação e pelo abastecimento das regiões interioranas.

 

 

Tags:,