Dia do Rio Sorocaba será comemorado com programação especial

 

Uma das atividades será a inauguração do Centro de Educação Ambiental do Rio Sorocaba

 

Para comemorar o Dia do Rio Sorocaba e o Dia Mundial da Água, ambos lembrados no dia 22 de março, a Prefeitura de Sorocaba preparou uma programação especial com atividades voltadas à população. Descida de barco pelo rio, Tour do Rio Sorocaba, Hora do Planeta e plantio de árvores serão algumas das ações realizadas neste mês.

Promovidas pela Secretaria do Meio Ambiente (Sema), as atividades têm como objetivo conscientizar a população sobre a importância da água para a vida, seu uso racional, recuperação da qualidade das águas do rio Sorocaba e a preservação dos mananciais. 

A partir de segunda-feira (16), as pessoas que passarem pela Avenida Dom Aguirre poderão ver oito tipos diferentes de displays da exposição itinerante “Peixes do Rio Sorocaba” representando as principais espécies encontradas no perímetro urbano de nosso município.

Além disso, a população poderá ver uma decoração com tecidos tencionados e espirais em dois pontos estratégicos da avenida: na rotatória central da Ponte Pinheiros e na Praça Lions. Além desta decoração, entre as pontes Francisco Dellosso e de Pinheiros serão instaladas bandeirolas azuis, simbolizando o rio Sorocaba.  

A iniciativa visa promover a sensibilização dos munícipes sobre os impactos positivos das ações para promoção da recuperação do rio. A Avenida Dom Aguirre é uma via de intensa circulação de veículos, o que potencializa seu impacto educativo, despertando o interesse da população sobre o tema.

Também serão colocados tecidos tencionados e espirais na entrada de sete parques ecológicos: Zoológico Municipal “Quinzinho de Barros”, Parque da Biquinha, Parque da Água Vermelha “João Câncio Pereira”, Parque Natural “Chico Mendes”, Jardim Botânico “Irmãos Villas-Bôas”, Parque Municipal Corredores da Biodiversidade e Parque Ouro Fino.

Estes parques são áreas com grande visitação e potencial educativo que vêm incorporando, cada vez mais, um processo permanente, dinâmico e integral de interação do público com o meio ambiente, visando à formação do cidadão mais culto e ambientalmente correto. 

A ornamentação e a exposição estarão expostas na marginal e nos parques até o dia 3 de abril.

 

Três atividades marcam a data

 

Para abrir a programação, no dia 22 de março, num domingo, serão realizadas três atividades. Às 9h será realizada a tradicional Descida do Rio Sorocaba, com saída do Clube do NAIS. Os barcos vão seguir um trajeto de aproximadamente 1 hora.

O evento será encerrado com a inauguração do Centro de Educação Ambiental do Rio Sorocaba (CEA Rio Sorocaba), às 10h, para que o público possa conhecer este novo espaço da cidade, destinado à educação ambiental e à preservação do meio ambiente.

A expedição será realizada em parceria com o SESC Sorocaba, que neste ano promoverá as inscrições de pessoas interessadas em participar da descida do rio com caiaques. A atividade também conta com o apoio e a participação da Polícia Ambiental, Corpo de Bombeiros, SAAE Sorocaba, Defesa Civil, Grupo “Caturros Navegantes” e Prefeitura de Votorantim.

O Centro de Educação Ambiental do Rio Sorocaba vai funcionar no módulo construído originalmente para abrigar um bicicletário  na Avenida Dom Aguirre, em frente ao Poupatempo. “O objetivo do nosso espaço será de promover ações, projetos e atividades educativas à população em geral, com foco na preservação e recuperação do rio Sorocaba”, explica Clebson Ribeiro, secretário do Meio Ambiente.

No local, serão realizadas exposições, palestras, oficinas, tour pelo rio e ainda atendimento à população para esclarecer dúvidas com relação ao meio ambiente de Sorocaba. No local, também serão distribuídas mudas de árvores e desenvolvidos projetos em parceria com outras secretarias, como o Via Viva (Secretaria de Esporte e Lazer) e oficinas diversas.

Também no dia 22, às 11h30, a Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria do Meio Ambiente e o Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Sorocaba (SAAE), lançará os primeiros módulos do programa “Refúgios da Biodiversidade” no rio Sorocaba, que ficarão próximos ao Centro de Educação Ambiental do Rio Sorocaba.

O objetivo principal deste programa está na criação de ‘ilhas’ de manejo controlado da vegetação das margens e bancos de areia do rio, criando um ambiente adequado tanto para o desenvolvimento de espécies arbóreas quanto para a proteção e alimentação de exemplares típicos da fauna de nosso rio, especialmente aves. 

Em alguns trechos do rio, por exemplo, o capim será mantido mais alto, possibilitando o estabelecimento de ninhais de aves ribeirinhas a abrigo para os peixes, pequenos mamíferos, anfíbios e répteis.

 

Tour do Rio Sorocaba

 

A Secretaria do Meio Ambiente também realizará edições especiais do Tour do Rio Sorocaba nos dias 25, 26, 27 e 28 de março, das 8h às 12h30. No dia 27, a atividade será realizada também das 14h às 17h. Serão 40 vagas por atividade.

O Tour do Rio Sorocaba é promovido pela Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria do Meio Ambiente e do SAAE, e nesta edição contará com a parceria do SESC Sorocaba. O objetivo do passeio é sensibilizar os participantes com relação ao rio Sorocaba, além de oferecer à população a oportunidade de conhecer os aspectos históricos e ambientais deste importante manancial. 

Num ônibus, os participantes irão percorrer um trecho das margens do rio, iniciando o trajeto na Barragem da Represa de Itupararanga, seguindo para a Cachoeira da Chave, Usina Cultural “Ettore Marangoni”, passando pelo Parque das Águas e finalizando a atividade na Estação de Tratamento de Esgoto S1. Em cada parada, serão abordadas as questões ambientais e as curiosidades de cada local.

Pessoas de todas as idades interessadas em participar já podem se inscrever. Para o tour do dia 28, a população pode se inscrever pelo telefone 3219.2280 (Secretaria do Meio Ambiente), de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Já para a visita monitorada dos dias 25, 26 e 27, a inscrição deve ser feita na Central de Atendimento do SESC Sorocaba, localizado na Rua Barão de Piratininga, 555, no Jardim Faculdade.

 

Plantio de árvores

 

No dia 25 de março, às 9h30, a Prefeitura de Sorocaba e a Prefeitura de Votorantim farão, com o auxílio de crianças das redes municipais de ensino, um plantio de quatrocentas mudas de oitenta espécies de árvores nativas com o objetivo de recuperar as margens do Rio Sorocaba. 

“A recuperação da mata ciliar é uma ação ambiental prioritária, impactando diretamente na qualidade de vida da população de todos os municípios que compõem a bacia do rio Sorocaba”, explica o secretário Clebson.

Devido ao processo de ocupação do território paulista, boa parte da vegetação das margens dos rios – com importantes funções como a proteção da erosão das margens, controle da temperatura do rio, refúgio da fauna, entre outras – foi destruída.

Além do plantio, as crianças passarão por atividades de Educação Ambiental, como oficina de plantio e um bate-papo sobre a importância da arborização urbana. A ação será finalizada às 11h.

 

Ação no Paço Municipal

 

No dia 27 de março, das 9h às 16h, a Secretaria do Meio Ambiente realizará uma ação educativa no andar térreo do Paço Municipal voltada aos servidores públicos e também à população que passar pelo local.

Num stand, funcionários da Secretaria do Meio Ambiente apresentarão fotos, informações e curiosidades sobre o rio Sorocaba, além de conversar com a população e os funcionários sobre como evitar o desperdício de água em casa e no ambiente de trabalho.

A economia de água dentro do ambiente de trabalho é parte das ações do Programa “A3P” (Agenda Ambiental na Administração Pública), voltado ao servidor municipal, que visa, dentre outros, o uso racional dos recursos e a qualidade de vida no ambiente de trabalho.

 

Hora do Planeta

 

Pelo sétimo ano consecutivo, Sorocaba também participará da “Hora do Planeta” no dia 28 de março, das 20h30 às 21h30. Trata-se de uma mobilização mundial promovida pela Rede WWF-Brasil em prol do meio ambiente.

Em Sorocaba, a ação é coordenada pela Secretaria do Meio Ambiente. Durante 1 hora serão apagadas as luzes de próprios públicos. “Qualquer pessoa, instituição ou empresa pode participar dessa ação apagando as luzes de seus imóveis por apenas sessenta minutos. É muito importante unirmos forças para mostrar o nosso comprometimento com um planeta mais sustentável”, ressalta Clebson Ribeiro.

A “Hora do Planeta” é um ato simbólico por meio do qual governos, empresas e população demonstram suas preocupações com o aquecimento global e os problemas ambientais que a humanidade enfrenta, apagando as suas luzes durante 60 minutos.

 

O Rio Sorocaba

 

Um dos mais importantes rios do Estado de São Paulo, o rio Sorocaba é o principal afluente da margem esquerda do rio Tietê. Possui 180 km de extensão em linha reta e 227 km, considerando o leito em seu trajeto natural. Além disso, é o mais importante manancial da região, onde 1,2 milhão de pessoas, além das indústrias e agricultura, utilizam suas águas.

É formado pelos rios Sorocabuçu e Sorocamirim, que se encontram no município de Ibiúna e vão se juntando com outras pequenas nascentes até o seu primeiro represamento dentro dos limites do município de Votorantim, chamado de ‘Represa de Itupararanga’. O rio Sorocaba atravessa as cidades de Ibiúna, Votorantim, Sorocaba, Iperó, Boituva, Tatuí, Cerquilho, Jumirim e Laranjal Paulista.

Um estudo realizado em Sorocaba identificou a presença de 53 espécies de peixes no município, tanto no rio principal – que dá nome da cidade – como em outros habitats como córregos, represas, lagos e lagoas. Entre as espécies mais comuns estão o lambari (Astyanax fasciatus), tambiú (Astyanax altiparanae), cará (Geophagus brasiliensis), traíra (Hoplias malabaricus) e bagre (Rhamdia quelen). 

A lista de espécies foi feita por intermédio de informações contidas em monografias, relatórios de iniciação científica, artigos, e hoje integra um dos capítulos do livro “Biodiversidade do Município de Sorocaba”, lançado pela Prefeitura de Sorocaba em abril de 2014.

Para Clebson Ribeiro, secretário do Meio Ambiente (Sema), todos os dados coletados nesta pesquisa permitem afirmar que Sorocaba possui uma fauna bastante rica. “E não apenas envolvendo os peixes. Principalmente quem caminha ou anda de bicicleta na ciclovia da Avenida Dom Aguirre pode conferir diariamente diversas espécies de aves como o biguá e o socó, répteis como o cágado, e até mesmo o jacaré-de-papo-amarelo”, comenta o titular da pasta. A presença e o comportamento dessas espécies mostra a recuperação das águas do rio.

O peixe Tabarana (Salminus hilarii) é uma das espécies nativas encontradas no rio que pode ser considerada indicadora de boas condições do manancial. Outro exemplo é o lambari, pois trata-se de espécie mais sensível que precisa de mais oxigênio para sobreviver.

 

Tags:, , , , , , ,