Escola “Léa Edy” vota em propostas para Participa Sorocaba 2020

Com direito a cartazes para a divulgação de propostas e pedidos de votos, o clima eleitoral tomou conta da Escola Municipal “Prof.ª Léa Edy Alonso Saliva”, localizada na região da Vila Helena, nesta terça-feira (dia 1). Por meio de um processo organizado por mesários, banner informativo e urnas para a deposição das cédulas de votação, as crianças decidiram quais propostas serão executadas em 2020 pelo Participa Sorocaba nas Escolas, projeto desenvolvido em parceria pelas Secretarias da Cidadania e Participação Popular (Secid) e da Educação (Sedu) da Prefeitura de Sorocaba.

O Participa Sorocaba é um programa da Secid no qual os munícipes apresentam sugestões de investimentos, obras, ações e serviços e decidem por votação quais delas serão inseridos na Lei Orçamentária Anual (LOA) do ano seguinte. Dos 8.378 votos registrados em 2019 – um índice de adesão cerca de 2.500% acima da edição 2018 -, 1.554 elegeram o Participa Sorocaba nas Escolas como o projeto mais votado, o que contemplará um recurso de R$ 6 milhões a ser distribuído entre os Centros de Educação Infantil (CEI) e as escolas de Ensino Fundamental.

O processo de votação da EM “Léa Edy” envolve cerca de 900 estudantes e 80 pais e funcionários, membros da Associação de Pais e Mestres (APM) e do Conselho Escolar. A diretora Bianca Souza explicou que antes da eleição, uma assembleia entre os participantes elencou quais as principais necessidades da unidade seriam inseridas nas cédulas de votação. “Além da oportunidade de as crianças decidirem o que a escola precisar, aproveitamos também para trabalhar outros conceitos ligados à cidadania, como a importância do voto e de acompanhar o empregos dos recursos públicos”, destaca.

O vice-diretor Paulo de Oliveira Francisco complementa que o trabalho pedagógico continuará até as propostas vencedoras serem conhecidas, o que está previsto para a próxima segunda-feira (7). “Os alunos dos quintos anos, por exemplo, vão auxiliar na apuração e preparar gráficos para apresentarmos os resultados aos demais”, exemplifica. Um dos pais participantes da votação, Vagner da Cunha elogiou a iniciativa. “Ninguém sabe melhor os problemas da escola do que os alunos, pais e professores que aqui convivem”, ressalta.

A secretária da Secid, Suélei Gonçalves, vê o projeto como uma oportunidade para os estudantes aprenderem na prática a importância de acompanhar e decidir uma parte da aplicação dos impostos. “Essas crianças vão compartilhar o que aprenderam com os pais, familiares e amigos. Isso contribui para que se tornem adultos já conscientes desta cultura de democracia participativa”, acredita. A edição 2018 do Participa Sorocaba já havia elegido uma sugestão de orçamento participativo nas escolas, que compreendeu as unidades localizadas em bairros compreendidos pela 343.ª Zona Eleitoral e serviu como piloto ao projeto implantado em 2019. Alguns dos produtos e serviços contratados já foram entregues, enquanto os demais se encontram em processo licitatório.

Tags:, ,