Especialistas vão listar espécies exóticas invasoras e ameaçadas

Por: Mariana Campos – macampos@sorocaba.sp.gov.br

A Prefeitura de Sorocaba realiza nesta quinta-feira (dia 16), das 8h30 às 12h, o workshop “Espécies exóticas invasoras e ameaçadas de Sorocaba”, no Jardim Botânico “Irmãos Villas-Bõas”. O objetivo do encontro é definir uma lista contendo as espécies exóticas invasoras e as ameaçadas de extinção, visando subsidiar políticas públicas, com ações de manejo e conservação.

Promovido pela Secretaria do Meio Ambiente (Sema), o encontro integra a programação especial em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente (5 de junho). O público-alvo do evento será o de estudantes, pesquisadores e professores da área, além de qualquer pessoa interessada no tema. A inscrição será feita no local, momentos antes do início do evento.

“Estamos articulando com a comunidade científica para que a gente saia deste workshop com uma lista prévia destas espécies”, explica o diretor de Educação Ambiental da Secretaria do Meio Ambiente, Welber Smith. “Após o evento, vamos continuar construindo esta lista e a ideia é de até o final do ano fazermos algum tipo de publicação”, destaca.

As espécies exóticas invasoras, por suas vantagens competitivas e favorecidas pela ausência de inimigos naturais, têm capacidade de se proliferar e invadir ecossistemas, sejam eles naturais ou antropizados (ação do ser humano sobre o meio ambiente), ameaçando o ecossistema, habitats e outras espécies. “Um exemplo aqui em Sorocaba são as leucenas. Queremos ter um documento técnico que nos diga quais são essas espécies e o que se pode fazer com elas, quais as ações de manejo. Assim como também definir o que podemos fazer para conservar as espécies ameaçadas”, explica Welber.

Durante o workshop serão escolhidas espécies-chave e guarda-chuvas para serem utilizadas em ações de educação ambiental. A espécie-chave possui um papel vital na estrutura, funcionamento ou produtividade do seu ecossistema. Quando ela é retirada do meio em que está inserida, causa grandes impactos e mudanças drásticas no local. Já a espécie guarda-chuva é o termo que designa as espécies que ajudam a proteger, de forma indireta, outras espécies que usam o mesmo habitat.

O Jardim Botânico “Irmãos Villas-Bôas” está localizado na Rua Miguel Montoro Lozano, 340, no Jardim Dois Corações. A entrada é gratuita.

Tags:, ,