Funcionários da Sedu recebem formação para trabalhar a ética e a cidadania nas escolas

Por: Secom Sorocaba

Uma equipe da Secretaria da Educação (Sedu) participou na manhã desta quinta-feira (6) da primeira capacitação do projeto “Ética, Solidariedade e Cidadania”, que será implantado nas escolas municipais. A formação ocorreu no Centro de Referência em Educação (CRE) e contou com a participação de cinco representantes da equipe gestora e 10 professores da rede municipal de ensino.

Realizada pela Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria da Educação (Sedu), em parceria com o Educae Sul e a Federação de Amor-Exigente, a iniciativa vai trabalhar a questão da solidariedade, ética e cidadania com alunos do 6º ao 9º ano das escolas municipais. O prefeito José Crespo lançará projeto na próxima terça-feira (11), às 15h, em seu gabinete.

De acordo com a gestora de Desenvolvimento Educacional, Karine Cristiane C. B. Del Cístia, a Educação tem quatro pilares: aprender a conhecer, aprender a fazer, aprender a conviver e aprender a ser. “Esse projeto vem contribuir com esses dois últimos pilares. A partir desse processo de formação ele vai oferecer aos professores habilidades e estratégias para trabalhar com os nossos estudantes do 6º ao 9º ano questões relacionadas à ética, à solidariedade, à cidadania, ao respeito mútuo, ao diálogo e à questão de se colocar no lugar do outro”, explica.

Para o coordenador do grupo Educae Sul Paulista, um dos responsáveis pelo projeto, Arnaldo Domingues Benevides Junior, a premissa do projeto é baseada em evidências. “Com a globalização e a correria do dia a dia do mundo de hoje, percebemos principalmente a falta de ética. E esse projeto visa resgatar as raízes culturais de um passado que foi muito bom. Trata-se de uma mudança comportamental que o projeto vem oferecer aos diretores e professores e que eles devem expandir essas propostas aos pais e alunos das escolas”, conta.

A responsável pela formação foi Arivane Tesoli, voluntária do Amor- Exigente explica que o projeto trabalha essencialmente na prevenção. “Hoje fizemos uma dinâmica de sensibilização do grupo. Teremos ainda mais 15 encontros que vamos abordar várias questões, como o limite, a educação na escola e na família, a ética, a cidadania, o respeito e a solidariedade.

 

 

 

Tags: