Endereço: http://agencia.sorocaba.sp.gov.br/gestao-compartilhada-garante-mais-de-14-mil-consultas-por-mes-nas-ubs/
Acessado em: 18/02/2019 - 22h57

Unidades Básicas de Saúde de Sorocaba vão realizar 14 mil consultas por mês a mais

Por: Marcelo de Almeida Júnior - marcalmeida@sorocaba.sp.gov.br

Unidades Básicas de Saúde receberão 56 novos médicos entre clínicos gerais e pediatras

A partir desta segunda-feira (11) as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) começam a receber 56 novos médicos entre clínicos gerais e pediatras para atuarem nestes locais. Esse reforço faz parte do Projeto de Reestruturação da Saúde e fortalecimento da Atenção Básica do prefeito José Crespo. O ganho dos médicos foi possível através da implantação da gestão compartilhada nas Unidades Pré-Hospitalares Oeste e Norte, que ocasionou no remanejamento de profissionais concursados às UBSs. Sorocaba terá uma ampliação em mais de 14 mil consultas médicas ao mês à população, isso representa um aumento de 35%. Atualmente, a cidade oferta uma média mensal de 40 mil.

Além dos médicos, as UBSs também receberão novos técnicos de enfermagem, enfermeiros e administrativos. Outros setores foram beneficiados com a vinda de mais profissionais como foi o caso do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que recebeu mais sete médicos, três enfermeiros e 11 recepcionistas de atendimento para fortalecer a assistência prestada.

Áreas como o Serviço de Atendimento Domiciliar (SAD), Serviço de Assistência Municipal Especializada (SAME), Zoonoses, Vigilância Sanitária, Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), também receberam novos profissionais.

A Secretaria da Saúde, Dra. Marina Elaine Pereira, destaca todo o empenho realizado para que esse projeto do prefeito José Crespo fosse realizado. “Quando fui convidada para ser secretária da Saúde, o prefeito me pediu para que esse projeto fosse trabalhado com todo o esforço, pois trata-se de um ganho imenso á população”, conta a secretária.

Integração desses novos funcionários na Atenção Básica

A Secretaria da Saúde (SES), realizou na última quarta-feira (6) e sexta-feira (8), a integração dos funcionários das Unidades Pré-Hospitalares Oeste e Norte para a Atenção Básica de Sorocaba (Unidades Básicas de Saúde). A integração teve a participação de 70 profissionais entre coordenadores, enfermeiros, auxiliares e técnicos de enfermagem e funcionários administrativos, com o intuito de discutir e orientar sobre a missão da rede básica, reconhecida como a porta de entrada dos serviços de saúde em qualquer município. O evento aconteceu na Universidade Paulista (Unip).

A capacitação teve como finalidade o acolhimento, mostrar a importância de todo o processo e cuidado com os pacientes, tendo sempre a qualidade, ética e segurança para garantir um serviço e atendimento excepcional. A programação foi composta por diversas palestras, e quem frisou a importância e apresentou tudo sobre o Sistema Único de Saúde (SUS) e Atenção Básica foi o médico Dr. José Manoel Amadio Guerreiro. “O SUS veio com a proposta de rever o modelo de saúde e melhorar os níveis de saúde da população”, comenta. Seguindo as apresentações, o médico oncologista Lúcio Neves, relatou sobre o Serviço de Atendimento Domiciliar (SAD), que é um atendimento que ajuda e acolhe os idosos de uma maneira mais ampla, contando com a ajuda frequente e ativa de um cuidador ou familiar. Além disso, tem a adequação das instalações dos ambientes domiciliares, visita diária por algum profissional, seja ele um enfermeiro ou não, e execução das atribuições que legalmente não podem ser realizadas pelo cuidador.

A coordenadora de Saúde Mental. Eline Araújo, abordou e apresentou o trabalho que vendo sendo desenvolvido na Rede de Atenção Psicossocial (RAPS) e no CAPS (Centro de Atenção Psicossocial), frisando sempre a aproximação do serviço público com a sociedade, a importância de ouvir e oferecer serviços de qualidade. “Eu fico feliz de ver tantas pessoas que vão poder contribuir neste atendimento, colaborando e prestando todo o cuidado necessário para todos. A população vai ganhar muito com estes profissionais que estão se preparando, e que pretendem dar o melhor de si”, enfatiza Eline.

Todos os palestrantes contribuíram de alguma forma, seja explicando como seguir todo o fluxo de encaminhamento, os procedimentos ideias para o atendimento, orientações necessárias de como agir em cada situação de acordo com o estado de cada paciente. Com isso, o processo de integração teve o principal intuito de adaptar, buscando a melhor relação entre o servidor e os cidadãos, a fim de diminuir os temores e ansiedades que são vivenciados diariamente.

Muito mais por Sorocaba!