Imunização contra gripe ultrapassa os 50% em Sorocaba

Por: Leandro Nogueira - lmnogueira@sorocaba.sp.gov.br

 

Ao menos 91.362 sorocabanos foram imunizados pela Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe até às 13h deste sábado (13), segundo o último balanço divulgado pela Secretaria da Saúde de Sorocaba nesta tarde. Esse número considera as pessoas vacinadas desde o início da campanha, no dia 17 de abril. Entre os públicos com estimativa da população-alvo na cidade, que é de 161.421 pessoas, a cobertura foi de 55,72%.

No entanto, o número de vacinados na cidade é um pouco maior, já que neste mesmo sábado, o Dia D da Mobilização Nacional, as 32 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) continuaram atendendo até às 17h. O balanço completo do Dia D será divulgado na próxima segunda-feira (15). A meta, até o próximo dia 26, é a de alcançar 90% do público-alvo, ou seja, 145.278 mil pessoas.

O Dia D da Mobilização Nacional foi a oportunidade para que as pessoas que não encontram tempo durante os dias úteis também recebessem a dose da vacina. A gestora da Vigilância em Saúde da Prefeitura, a enfermeira Solange Ismerim, disse que durante todo o Dia D, a campanha em Sorocaba foi bastante calma, já que essa é a quarta semana de vacinação.

Solange Ismerin observou que no período da tarde o movimento aumentou um pouco em relação ao da manhã, porém sem grandes filas ou espera. Ela ressalta aos que estão entre os grupos prioritários e ainda não receberam a vacina, a procurarem a UBS mais próxima durante o horário de funcionamento.

População reconhece importância da vacina

A população que tem o direito de receber a vacina já está ciente da importância de se imunizar. Alberto Athiê, 74 anos, foi tomar a vacina com a esposa. Ele apressou-se porque imaginou que o Dia D fosse o último para a vacinação e não queria perder, já que toma todos os anos e conhece a importância de evitar uma forte gripe. Ficou surpreso em saber que a campanha segue até o próximo dia 26, mas não perdeu a viagem e tanto ele quanto a esposa foram vacinados.

Isabela Scatena Vizione, com quatro anos de idade, também está entre os grupos prioritários. Ela recebeu a dose acompanhada do avô José Carlos Scatena, 65 anos. Ele contou que a netinha toma a vacina desde o primeiro ano de vida e nunca teve qualquer reação. Em todas as campanhas o avô leva a menina, para que ambos fiquem imunizados juntos. A profissional da área da saúde, a dentista Maria Zélia Salerno Muzilli, já se acostumou a se imunizar da gripe e diz que sentiria falta se deixasse de ter essa oportunidade.

O estudante Dilson Fernandes Martins Júnior, 22 anos, sofre de problemas respiratórios e conhece a importância de se imunizar. Há quatro anos ele toma a vacina para prevenir-se da gripe e evitar complicações maiores, já que está entre o grupo de pessoas com doenças crônicas.

Números atualizados

Até às 13h deste sábado (13) foram vacinadas em Sorocaba 89.937 pessoas pertencentes aos grupos prioritários. A maior cobertura foi entre os idosos (60 anos ou mais) contabilizando 49.402 doses aplicadas (74,96% do total). Entre os trabalhadores de saúde foram vacinadas 10.637 pessoas (60,81% do público-alvo) e entre as puérperas já foram aplicadas 607 doses (equivalente a 54,15% do público estimado). Foram vacinadas ainda 3.104 gestantes (45,51% do total) e 13.613 crianças (cobertura de 38,21% do público-alvo). Entre os portadores de doenças crônicas, foram vacinados 12.574 pessoas (36,49% de cobertura).

Entre os que não fazem parte dos grupos prioritários mas que estão incluídos neste ano na campanha, porém sem cálculo de população estimada, estão os professores das redes pública e privada, com o registro de 1.384 vacinas aplicadas. E ainda 41 pessoas dos outros grupos sem comorbidades foram imunizadas.

Desde este sábado (13) também estão autorizados a receberem a vacina os policiais militares e civis, bombeiros, funcionários do Poupa Tempo, funcionários dos Correios e trabalhadores da Defesa Civil. Para terem acesso à vacina, os grupos de riscos por conta da profissão deve apresentar algum comprovante de que exerce a atividade, como por exemplo o holerite.

Avaliação bucal contra câncer também foi realizada

As pessoas com mais de 40 anos também foram convidadas neste sábado (13) a fazerem a rápida avaliação para a prevenção do câncer bucal, nas mesmas UBSs onde foram aplicadas as vacinas contra a gripe. Sônia Maria Nogueira, 67 anos, aceitou o convite e teve o interior da boca examinada. Em poucos minutos deixou a cadeira da dentista muito satisfeita em saber que está saudável.

A dentista Áurea Cristina Mendes Ferreira Gonçalves disse que essa avaliação prossegue nas UBS e é importante para que as pessoas recebam várias orientações, como por exemplo, sobre melhor adaptação de próteses para evitar ferimentos. Ela contou avalia as características das feridas para ver se é o caso de encaminhar para exame, ou trata-se por exemplo, de uma simples afta.

Esse exame é indicado principalmente para as pessoas que possuem algum machucado que não cicatriza há mais quinze dias, além dos que têm fatores de risco, como os fumantes e os usuários de prótese.

 

Tags: