Morador do Jardim Simus é o Rei Momo do Carnaval

Por: Secom Sorocaba

A Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo (Secultur), promoveu a escolha da Corte do Carnaval 2018. No evento realizado domingo (28), no Mercado Distrital, o eleito Rei Momo foi o ajudante de caminhão desempregado, Carlos Fernando Motta, 36 anos.

Casado, pai de quatro filhos (três meninos e uma menina) e morador do Jardim Simus, ele contou que resolveu participar da eleição de última hora. “Me ofereci ao presidente da escola de samba da qual faço parte [Carlos Batista Inácio, Furiosa da Real] e acabei escolhido”, diz. “Para mim será uma honra representar o Carnaval sorocabano nas ruas, blocos e eventos.”

Carlos disse ainda que é amante da folia há décadas e que toda família vai prestigiá-lo na maioria das atividades. “Vão porque também são apaixonados pelo Carnaval sorocabano”, justifica. “A mim, resta fazer o melhor para tentar agradar todo mundo.”

Sobre a disputa na avenida, que vai envolver também as escolas 3º Centenário, Gaviões da Fiel, Mocidade e Unidos do Cativeiro, o Rei Momo preferiu ser comedido: “Vai ser uma competição acirrada”.

A Corte

Além de Carlos Fernando Motta (Rei Momo), completam a Corte carnavalesca Fabíola Serra (Rainha); Patrícia Soares (Princesa); Tatiane Aparecida Rodrigues Leme (Cidadã do Samba) e Nelson José Franco (Cidadão do Samba).

Presente no evento, o secretário de Cultura e Turismo, Werinton Kermes, comentou que a eleição é a oportunidade daqueles que gostam da folia de reviver e de retomar o verdadeiro espírito do Carnaval, com a participação da comunidade. “Diferente do que hoje se dá nos grandes centros, conseguimos manter a possibilidade de a comunidade do samba organizar e escolher os seus representantes”, diz.

Ainda segundo ele, a Prefeitura deu o apoio necessário à festa, que superou as expectativas. “Além disso, a presença das escolas, todas juntas, mostra união, independente das disputas”, acrescenta. “A gente fica muito feliz. O poder público tem o papel de ser o fomentador de ações comunitárias para que a cultura sobreviva de uma forma digna.”

Durante a Eleição da Corte, as cinco escolas tiveram a oportunidade de mostrar os sambas-enredo preparados para o desfile de 13 de fevereiro, no sambódromo da avenida Engenheiro Carlos Reinaldo Mendes, no Alto da Boa Vista. A animação ficou por conta de Cássio Ferraz e Banda e Os Pereiras.

Tags: