População recebe incentivo à adoção de hábitos saudáveis

Por: Ana Carolina Chinelatto (Programa de Estágio) - Supervisão: Tânia Franco – ttferreira@sorocaba.sp.gov.br

 

Ação aconteceu na USF Habiteto, em alusão ao

 Dia Internacional da Atividade Física

 

Com o resultado de exames nas mãos, Maria Aparecida Alves, 50, conta orgulhosa que a saúde está em dia depois de ter enfrentado uma doença grave. Segundo ela, parte da recuperação se deve à alimentação saudável e à prática de atividades físicas, ambos pontos que foram incentivados e reforçados nesta quarta-feira (6) na Unidade Saúde da Família (USF) “Dr. Vitor Pedroso, no Conjunto Habitacional Ana Paula Eleutério (Habiteto).

Em alusão ao Dia Internacional da Atividade Física, celebrado nesta data, a unidade ofereceu ações gratuitas à população. Os munícipes puderam participar de caminhada e ginástica, além de receber orientação nutricional e de prática de atividades físicas. A unidade também ofereceu aferição de pressão arterial, teste de glicemia, verificação de peso, altura, circunferência abdominal e índice de massa corporal (IMC).

Conforme o educador físico, Carlos Augusto de Menezes Drigo, o intuito da ação é despertar a consciência da população para que sejam adotados hábitos saudáveis. “A atividade física é apenas um desses hábitos que promovem a saúde. A alimentação saudável também aumenta a qualidade de vida, por isso a ação também contou com nutricionistas”, ressalta.

No local já existem grupos de atividades físicas, mas, segundo Carlos, foi feito um desafio para que cada integrante levasse um convidado para participar da ação desenvolvida nesta quarta-feira. “O resultado foi muito positivo. Hoje conseguimos dobrar o número de pessoas no grupo e aproveitamos para incentivar que todos continuem, pois a caminhada e a ginástica são de extrema importância para manter uma vida saudável”, frisa.

Após realizarem todos os exames oferecidos pela unidade de saúde, os munícipes receberam orientações de dois profissionais de educação física, que recomendaram a prática de exercícios de acordo com o resultado de cada pessoa. Após isso, à população foi encaminhada à duas nutricionistas que deram informações sobre a alimentação saudável. De acordo com a residente na área, Natália Andrade, por meio de imagens elas mostraram os dez passos para uma alimentação de qualidade. “Nós demos dicas simples, explicamos o que cada pessoa pode ou não comer, de acordo com os resultados dos exames. Se alimentar adequadamente pode prevenir muitas doenças”, ressalta.

Xô, sedentarismo!

Maria Aparecida chegou logo cedo para participar das atividades. Ela não faz exercícios físicos com frequência, mas garante que a ação desta quarta-feira serviu de motivação para a mudança na rotina. “Os resultados dos exames que realizei aqui foram todos positivos, mas eu sei que não posso descuidar da saúde. Vou começar a participar do grupo de caminhada”, afirma.

Convidada por uma integrante do grupo, Viviane Barboza, 35, participou pela primeira vez da caminhada na USF. Segundo ela, a atividade física não faz parte do seu dia a dia, mas passará a fazer. “Eu sou muito sedentária e isso já reflete na minha saúde, porque estou acima do peso. Mas, com todas as orientações que recebi aqui, vou começar a praticar exercícios hoje ainda”, declara.

Frequentadora assídua das atividades físicas oferecidas no local, Almira Selvina de Jesus Peres, 58, garante que a melhora na saúde é perceptível. “Eu tinha muitas dores nas pernas, mas desde que comecei a me exercitar isso melhorou. Todos deviam cuidar bem da saúde”, destaca.

A prática regular de exercícios físicos é recomendada a todas as pessoas, mesmo àquelas com a saúde em dia, garante o educador físico, Carlos. Conforme ele, além de prevenir doenças, manter o corpo em movimento aumenta a qualidade de vida. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a inatividade física é o quarto principal fator de risco de morte no mundo, por isso, todo cuidado é pouco.

 

Tags:, , ,