Prefeito Crespo encerra as atividades no Vera Cruz com ação solene

Por: Marcelo de Almeida Júnior

O Prefeito José Crespo realizou, no final da tarde de quarta-feira (07), uma ação solene em alusão ao encerramento das atividades do Hospital Vera Cruz, com a finalização do processo de desospitalização da saúde mental e cumprimento do TAC (Termo de Ajuste de Conduta), que determina o fechamento definitivo dos hospitais psiquiátricos em Sorocaba. A ação aconteceu em frente ao portão principal do Hospital, com a presença de autoridades da Justiça do Estado e da Secretaria do Estado de Saúde.

Durante seu discurso, José Crespo destacou a humanização resgatada através do encerramento desse processo. “Hoje, essas pessoas têm uma vivência em comunidade e concretizam uma importante conquista social e liberdade à vida”, salientou o chefe do poder executivo.

No decorrer da ação solene, muitos discursos foram marcados pela emoção e sentimento de vitória ao falar sobre o fechamento do último hospital psiquiátrico de Sorocaba. Também foi ressaltado a nova vida humanizada que esses pacientes receberão vivendo nas Residências Terapêuticas. Ao final do evento, o Prefeito José Crespo pediu para que as autoridades presentes o ajudassem a colar uma faixa com a escrita “Fechado” nos portões do hospital.

Estiveram presentes também o secretário de saúde, Ademir Watanabe, o promotor de justiça do Ministério Público de São Paulo, Dr. Roberto de Campos Andrade, a promotora de justiça, Cristina Palma, a procuradora de justiça, Lídia Passos, e a diretora do Departamento Regional de Saúde, Silvia Abrão.

A atual coordenação da Saúde Mental da Prefeitura de Sorocaba atuou diretamente no processo ajudando a localizar a origem dos pacientes, fazendo contato com familiares e os municípios identificados. A equipe da coordenação também auxiliou os gestores das cidades contatadas para que pudessem tomar as providências necessárias, como abertura de residências terapêuticas e centros de atendimento psicossocial (CAPS) para providenciar a alta e a transferência dos pacientes. Na terça feira (07), foram realizadas as últimas quatro altas. Esses pacientes foram para Salto, que é a cidade de origem de cada um. Eles viverão em uma Residência Terapêutica com toda assistência e tratamento médico e de enfermagem adequada.

Tags: