Prefeito José Crespo recebe visita do cônsul geral do Líbano em São Paulo

Por: Marcelo Andrade

Foto: Fernando Abreu

Durante o encontro, o chefe do Executivo destacou a importância da aproximação ainda maior entre Sorocaba e o Líbano nas relações bilaterais



O prefeito de Sorocaba, José Crespo, recebeu na manhã desta quarta-feira (12) a visita do novo cônsul geral do Líbano em São Paulo, Rudy El Azzi. Essa foi a primeira visita do diplomata à cidade como forma de estreitar as relações culturais e comerciais e dar início a um intercâmbio entre a cidade e o Líbano. O cônsul recebeu das mãos do prefeito o Título de Visitante Ilustre, honraria concedida por meio de decreto assinado pelo chefe do Executivo.

A visita faz parte de um processo de aproximação com algumas cidades brasileiras, incluindo Sorocaba. Para recepcionar o cônsul e dar detalhes do trabalho desenvolvido pelo Poder Público e por setores importantes da cidade, o prefeito José Crespo também contou com a participação da primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Lilian Crespo, além dos secretários de Comunicação e Eventos (Secom), Eloy de Oliveira; do Gabinete do Poder Executivo, Alexandre Robim; Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda (Sedeter), Robson Coivo; Planejamento e Projetos (Seplan), Mirian Zacareli; Mobilidade e Acessibilidade (Semob) e presidente da Urbes, Luiz Alberto Fioravante, a ainda de Saneamento, Alceu Segamarchi Júnior.

Também participaram o presidente da União Árabe de Sorocaba, Emílio Elias Sabeh, e seus integrantes, Jorge Afeich e Margarete Jbele; o ex-prefeito Renato Amary e sua esposa, a jornalista Margarete Christófani; o presidente do Secovi, Flávio Amary; o diretor do Ciesp, Erly Domingues de Sillos; o presidente da Associação Comercial de Sorocaba (Acso), Sérgio Reze; a Casa de Espanha, Marcos Hernandes Rodrigues; do governador do Distrito 4260 do Rotary Internacional, Valdir Paezani.

Durante o encontro, o prefeito José Crespo agradeceu a visita do diplomata e destacou a importância da aproximação ainda maior entre a cidade de Sorocaba com o Líbano nas relações bilaterais. “Sorocaba está em um momento bom da história dela, está ganhando cada vez mais força. Ainda há muitas dificuldades, mas nós estamos buscando parceiros internos e externos e de portas abertas para interesses múltiplos. Queremos que esta seja a primeira de muitas outras visitas que o senhor venha a fazer em nossa cidade”, disse.

O diplomata libanês recebeu das mãos do prefeito, assim como os demais presentes ao evento, um exemplar da revista “Tudo por uma cidade melhor para todos”, elaborada como parte das homenagens feitas pela Prefeitura ao aniversário de Sorocaba, comemorado no último dia 15 de agosto. A revista reúne em 56 páginas a série de reportagens especiais “Sorocaba 364 anos”, publicadas desde o último dia 23 de julho até o dia 14 de agosto. Idealizada pelo secretário de Comunicação e Eventos, Eloy de Oliveira, a iniciativa é inédita a ser implementada pelo Poder Público Municipal. Puderam acompanhar ainda um vídeo institucional sobre a cidade, também elaborado pela Secom.

O cônsul recebeu ainda da mãos do prefeito um brasão da cidade de Sorocaba, confeccionado por uma impressa 3D no Parque Tecnológico de Sorocaba (PTS) e retribuiu com um enfeite que representa o cedro do Líbano, presente na bandeira do país e se trata de uma planta bastante comum pela região e é símbolo de eternidade e força.

Ainda durante o encontro no 6º andar do Palácio dos Tropeiros, o prefeito concedeu a palavra ao presidente da Associação Comercial, Sérgio Reze, descendente de libaneses, que não conteve as lágrimas ao lembrar de seus familiares. Assim como o ex-prefeito Renato Amary e seu filho, o presidente do Secovi, Flávio Amary, sendo que este último destacou a importância da comunidade libanesa e sua contribuição para o crescimento do País.


Desafios e impressões


O cônsul geral do Líbano em São Paulo, Rudy El Azzi, agradeceu a recepção do prefeito e da comitiva presente ao gabinete do chefe do Executivo. Em sua primeira visita a Sorocaba, disse ter ficado impressionado com a cidade, sua beleza, organização e dinamismo. Ainda durante o encontro, o diplomata informou que assumiu o cargo há cinco meses e destacou a importância de sua atuação nas relações entre o Brasil e o Líbano.

Seu posto é responsável pelos Estados de São Paulo, Santa Catarina, Paraná, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Rondônia, e ele estima que o total de libaneses nesses Estados seja de 5 milhões de pessoas. De acordo com a Agência Senado, com base em informações do Ministério das Relações Exteriores, são quase 10 milhões de libaneses e descendentes em território brasileiro, contra 3,5 milhões que vivem no Líbano. “Nosso maior desafio é fazer com que esta população conheça suas origens, cultura e não se esqueça de seu idioma. Além disso, temos a missão de estreitar as relações culturais e comerciais entre os dois países”, finalizou.

Azzi é diplomata de carreira há 15 anos e já foi cônsul na Costa do Marfim e Romênia. Seu último posto foi de embaixador interino no México.

Tags:, ,