Prefeitura lamenta falecimento do bebê Miguel

Por: Marcelo de Almeida Júnior

A Prefeitura de Sorocaba lamenta o falecimento do bebê Miguel Henrique de Souza Correa, ocorrido nesta sexta-feira (04), por volta das 14h, durante procedimento cirúrgico de emergência no Incor (Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo), e reforça que não poupou esforços para ajudar a criança e a mãe na garantia da saúde dele.

A secretária de Saúde de Sorocaba, Marina Elaine Pereira, foi ao Incor para acompanhar a liberação do corpo e dar apoio à família. Ela garantiu que o Poder Executivo custeará as despesas de translado funerário e velório da criança. Também oferecerá acompanhamento psicológico para a mãe Gedalia Jovino de Souza.

Desde o período da gestação da mãe, a Secretaria Municipal de Saúde (SES) ofereceu assistência na rede a ambos, conforme orientações preconizadas pelo Ministério da Saúde.

Após o nascimento da criança, a SES solicitou a cirurgia cardíaca no dia 8 de março de 2018 à Secretaria de Estado de Saúde. Antes de ser transferida ao Incor, a criança foi assistida e recebeu todos os cuidados pela prestadora da Prefeitura de Sorocaba (hospital Santa Casa).

Miguel era portador da síndrome de Edwards, doença genética na qual o feto possui três conjuntos do cromossomo 18 quando o normal seriam somente dois. O problema acarreta deficiências no coração.

Tags: