Residência Multiprofissional da SES forma 24 profissionais

Por: Marcelo de Almeida Júnior - marcalmeida@sorocaba.sp.gov.br

Na última sexta-feira (23) do mês de fevereiro, a Secretaria de Saúde (SES), por meio da Divisão de Estágios, Aperfeiçoamento, Especialização e Residência, formou 24 profissionais. A cerimônia de encerramento e apresentação do Trabalho de Conclusão de Curso foram realizados na Biblioteca Municipal de Sorocaba “Jorge Guilherme Senger”. As residências multiprofissionais em saúde são programas de ensino na modalidade pós-graduação lato sensu, que se caracteriza como treinamento em serviço sob supervisão de profissionais de saúde habilitados. O programa segue orientações através de princípios e diretrizes do SUS, a partir das necessidades e realidades locais e regionais.

A apresentação se deu através de banners, expostos no saguão da biblioteca municipal, onde cada residente apresentou o seu TCC para dois avaliadores, sendo um tutor, profissional este com formação mínima de mestre e com experiência profissional de no mínimo três anos e um profissional servidor da Prefeitura de Sorocaba com ensino superior completo. A função do tutor caracteriza-se por atividade de orientação acadêmica de preceptores e residentes.

Segundo a Divisão de Estágios, Aperfeiçoamento, Especialização e Residência, o Trabalho de Conclusão de Curso foi realizado no formato de Projeto de Intervenção proposta de ação feita pelo residente para a resolução de um problema real observado em seu território de atuação, seja no âmbito da clínica ou da organização dos serviços, buscando a melhoria das condições de saúde da população, no contexto da rede de atenção básica.

Entre as categorias dos profissionais formados foram 7 enfermeiros, 2 assistentes sociais, 2 terapeutas ocupacionais, 1 psicólogo, 2 educadores físicos, 2 fisioterapeutas, 2 fonoaudiólogos, 2 nutricionistas, 2 farmacêuticos e 2 dentistas.

Os Programas de Residência Multiprofissional tem duração de 24 meses, com uma carga horária total de 5.760 horas, respeitando-se a carga horária de 60 horas semanais, sendo 80% práticas e 20% teórica/teórico-prático.

Para o secretário de saúde, Ademir Watanabe, o objetivo do curso é o aperfeiçoamento progressivo do padrão profissional e científico. “Esta excelente iniciativa promove a melhoria contínua da assistência à saúde da comunidade”, comentou Watanabe.

A Prefeitura de Sorocaba oferece esse programa de especialização desde 2014 através de parcerias com universidades filantrópicas e a partir de 2016, iniciou a continuidade do projeto por gestão plena municipal. São oferecidas anualmente vagas pelos programas.

 

Atividades de novas turmas

Nesta quinta-feira (01) foram iniciadas oficialmente as atividades das novas turmas no Programa de Residência em Medicina de Família e Comunidade, na Residência Médica em Psiquiatria, na Residência Multiprofissional em Saúde da Família e Comunidade e na Residência Multiprofissional em Saúde Mental com ênfase na Atenção Básica, programa esse que está iniciando a primeira turma. Já na próxima segunda-feira (05) até o dia 9 de março, está prevista a integração dos 48 novos residentes na Escola de Gestão Pública.

 

 

 

Tags:,