Endereço: http://agencia.sorocaba.sp.gov.br/saude-forma-mais-cinco-residentes-de-medicina/
Acessado em: 23/09/2019 - 13h39

Saúde forma mais cinco residentes de medicina

Por: Marcelo de Almeida Júnior - marcalmeida@sorocaba.sp.gov.br

A Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria da Saúde (SES), realizou a formatura de cinco residentes da medicina na última segunda-feira (25). O evento aconteceu no auditório da Santa Casa de Sorocaba e contou com participação da secretária da Saúde, Dra. Marina Elaine Pereira, e demais integrantes responsáveis pelos programas de residência.

Durante o evento, uma mesa foi composta com o psicanalista e psiquiatra da enfermaria de psiquiatria da Santa Casa e coordenador do Programa de Residência Médica em Psiquiatria, João Baptista Laurito Jr; a médica da Divisão de Educação em Saúde da SES e coordenadora da Comissão de Residência Médica- COREME e do Programa de Residência de Medicina de Família e Comunidade, Liliane Maria Guimarães de Pinho; a psiquiatra e chefe da enfermaria de psiquiatria da Santa Casa, Eglinara Silva Morton; a psicóloga e supervisora da Divisão de Educação em Saúde da SES, Camila Maria de Almeida Lima; além da secretária da Saúde, Dra. Marina Elaine Pereira.

Os componentes da mesa ressaltaram a importância da residência em medicina de família e comunidade, especialização que obteve dois formandos e da residência em psiquiatria, que somou mais três formandos. Para a secretária da Saúde, a Divisão de Educação em Saúde é motivo de muito orgulho. “Além do nosso projeto promover conhecimento e muita experiência na formação desses profissionais, também temos a vantagem deles atuarem em nossa rede com muito empenho em prol da população”, ressalta Marina Elaine Pereira.

Em Sorocaba os dois programas (Psiquiatria e Medicina de Família e Comunidade foram implantados em 2014. Essas especialidades médicas possuem carência de profissionais no Brasil e são consideradas áreas de atuação prioritárias e estratégicas para o SUS (Sistema Único de Saúde), cuja ênfase se destina a formar especialistas para a rede pública de Saúde visando contribuir para a qualificação do cuidado aos usuários e fixação do médico na região.

A Residência em Medicina de Família e Comunidade tem duração de dois anos e ocorre predominantemente nas Unidades de Saúde da Família (USF) e compreende também atividades comunitárias no território. Já a Residência em Psiquiatria tem três anos de duração e conta com a parceria da Santa Casa de Misericórdia de Sorocaba e passa pelos demais serviços da Rede de Atenção Psicossocial (RAPS) como os Centros de Atenção Psicossocial (CAPSs) e Unidades Básicas de Saúde (UBSs).

Muito mais por Sorocaba!