Secretário de Segurança Pública e vereadores de Sorocaba visitam barragem da CBA

Por: Secom/Sesdec

Nesta sexta-feira (8), o secretário municipal de Segurança Pública de Sorocaba, Cel. Antônio Valdir Gonçalves Filho, os vereadores Fernando Dini, Iara Bernardi, João Donizeti, Péricles Regis e Wanderley Diogo, além do observador municipal, Pedro Luiz Garcia, visitaram a barragem Palmital da CBA (Companhia Brasileira de Alumínio).

As autoridades tiveram a oportunidade de conferir in loco o funcionamento do sistema de gestão da segurança da barragem e foram recebidos pela gerente geral de Desenvolvimento Humano e Organizacional e Saúde, Segurança e Meio Ambiente, Andressa Lamana; pelo gerente-geral de Engenharia e Tecnologia, Albino Mercado Jr.; pelo gerente-geral de Mineração e Alumina, Ricardo Vinhal; pelo gerente de produção da Alumina, Silvio Medeiros; pelo gerente de Saúde, Segurança e Meio Ambiente, Leandro Campos de Faria e pelo Relações Governamentais, Silvio Smolii.

Foram esclarecidas as rotinas dos monitoramentos, que são realizados diariamente, semanalmente e mensalmente e, posteriormente, encaminhados aos órgãos fiscalizadores; bem como das auditorias externas, conduzidas por uma empresa independente especializada e de competência reconhecida internacionalmente, que têm frequência mensal para os monitoramentos, controles e ações e semestral para avaliação geral da barragem.

 

Plano de Emergência

Durante a reunião, foi reforçado que o Plano de Emergência foi protocolado em junho de 2017 junto à CETESB, Prefeitura e Defesa Civil de Alumínio. De lá para cá, a CBA desenvolveu todos os elementos necessários para o Plano, incluindo a definição da área impactada por um rompimento e a zona de auto salvamento, elaboração do plano de instalação de 11 sirenes, cujos investimentos estão na ordem de R$7 milhões. O Plano de emergência interno já está implantado incluindo simulados dentro da Empresa.

Para completar a implantação do Plano de Emergência, em 2019 será feita a extensão para as comunidades, com o cadastramento dos envolvidos, o esclarecimento de todos os procedimentos a serem tomados em caso de emergência e a realização de um simulado geral em parceria com a Defesa Civil, Bombeiro Militar e demais órgãos competentes.

 

Barragem Palmital

A barragem Palmital é utilizada para depósito do rejeito de bauxita da Fábrica em Alumínio (SP), tem 96 metros de altura, capacidade de armazenamento  para 30 milhões de metros cúbicos de rejeito e a primeira etapa de sua construção se deu na década de 90.

O método de construção da barragem foi o mais seguro existente, com duas elevações a jusante previstas no projeto original. Além disto, foram usados materiais da mais alta resistência na sua construção, como o granito, que confere uma estabilidade e robustez diferenciada à sua estrutura; além de materiais específicos para filtros e drenagens que garantem a integridade do núcleo. Estas características associadas ao monitoramento, controle e manutenções seguindo os mais altos padrões mundiais e auditados por empresa independente garantem a confiança na segurança desta barragem.

 

Muito Mais por Sorocaba!

Tags:,