Semana Municipal do Lixo Zero começa nesta terça-feira

Por: Bia Negrão

A Prefeitura de Sorocaba realiza a partir de terça-feira (30), a Semana Municipal do Lixo Zero, em comemoração ao Dia Municipal do Lixo Zero definido como dia 30 de maio, conforme institui a lei municipal nº 11.290/2016.

Até o dia 3 de junho, serão promovidas oficinas, plantio de árvores e outras ações educativas em alguns espaços públicos, voltadas aos servidores públicos e à população em geral. A iniciativa é da Secretaria do Meio Ambiente, Parques e Jardins e, segundo o secretário da pasta, Jessé Loures, o principal objetivo da programação é promover o conceito Lixo Zero, criando alternativas de gestão sobre os resíduos que são gerados, a fim de garantir os recursos naturais para as próximas gerações.

A programação prevê diversas ações preparadas pela Área de Educação Ambiental, além da divulgação de dicas de economia no ambiente de trabalho, e os pontos de coleta de pilhas e baterias de celular usadas.

A gestão de resíduos dentro do ambiente de trabalho é parte das ações do Programa “A3P Sorocaba” (Agenda Ambiental na Administração Pública), voltado ao servidor municipal, quanto ao uso racional dos recursos e à qualidade de vida no ambiente de trabalho, entre outros tópicos. Iniciativa do Ministério do Meio Ambiente (MMA), o objetivo do A3P é promover a internalização dos princípios de sustentabilidade socioambiental nos órgãos e entidades público. Sorocaba participa do programa desde novembro de 2014.

 

Programação

A abertura da Semana do Lixo Zero será realizada na terça-feira (30), às 9h, no Parque da Biquinha, e em seguida haverá uma oficina sobre como reaproveitar material para fazer um aromatizador de ambientes. A ação é voltada ao público da melhor idade que frequenta o Clube Ecológico Roda Viva do Parque da Biquinha.

Na quarta-feira (31), das 11h às 13h, dentro do conceito do consumo consciente, que visa consumir de modo a diminuir o impacto gerado ao meio ambiente, haverá uma campanha de troca de livros no Paço Municipal (andar térreo), na Av. Eng. Carlos Reinaldo Mendes, no Alto da Boa Vista. Qualquer pessoa pode participar, basta levar um ou mais livros de literatura nacional ou estrangeira, para qualquer faixa etária. O objetivo é estimular as pessoas a trocarem os livros que estão sem uso em suas casas, evitando que estes sejam jogados fora. O livro não é lixo!

A programação prossegue com uma intervenção no Bairro Refúgio, composta pelas seguintes etapas: ações educativas, remoção dos resíduos despejados em locais inadequados; roçagem da beira do córrego; plantio de mudas para recuperação da área verde.

Quinta-feira (01) as ações aos moradores das principias ruas que têm acesso ao córrego do Jardim Refúgio, como porta a porta educativo e uma exposição intitulada “Animais do Lixo”, que será realizada em parceria com a Divisão de Zoonoses da Secretaria da Saúde.  A exposição será realizada no campinho de futebol, à rua Noel Bento de Almeida, Bairro Jardim Refúgio, das 9h às 11h30.

Na sexta-feira (02), com o intuito de sensibilizar e orientar a comunidade do Jd. Refúgio sobre os riscos trazidos pelo acondicionamento e o descarte inadequados de resíduos, será realizado um plantio de 50 mudas com as crianças participantes do Projeto da Associação Nova Geração.   O plantio será em uma área que é utilizada frequentemente para o descarte irregular de entulho na rua Luísa de Carvalho, Jd. Refúgio. A atividade é aberta a toda comunidade.

Para encerrar a programação, no sábado (03), das 14h às 16h30 no Parque “Chico Mendes”, será realizada uma oficina gratuita de confecção de bilboquê (brinquedo tradicional) feito de garrafa pet. A atividade gratuita e aberta ao público.

Tags: