Sorocaba conta com ampla rede de saúde mental

Por: Secom

Em virtude ao “Dia Mundial da Saúde Mental”, a Secretaria da Saúde, por meio da Coordenação de Saúde Mental, comemora a data através de avanços realizados nos últimos anos. Hoje Sorocaba conta com 7 CAPS (Centro de Atenção Psicossocial), 32 UBS que possuem equipes multiprofissionais de matriciamento/NASF, as quais realizam acolhimento, atendimento e ações voltadas ao cuidado no território, 10 leitos de Saúde Mental em Hospital geral, 7 serviços de Urgência e Emergência entre Pas/UPHs, SAMU.

Tanto nas UBS como nos CAPS, são realizadas oficinas, terapias individuais/grupos, promoção e prevenção, além de atendimentos médicos.

Na cidade de Sorocaba, existem três modalidades de Centro de Atenção Psicossocial totalizando 5.500 usuários em atendimento. Contamos com dois CAPS III – Adulto, três CAPS IJ – Infanto Juvenil e dois CAPS AD III – Álcool e Drogas. Esses serviços são especializados no cuidado a Saúde Mental para população em Sofrimento psíquico.

Devido ao processo de desinstitucionalização, hoje Sorocaba conta com 26 Residências Terapêuticas, que são moradias para egressos dos Hospitais Psiquiátricos. As Rts visam buscar o direito de viver em sociedade, com responsabilidades do cotidiano, com liberdade para ir e vir e vivenciar a rotina doméstica, além de viver em comunidade.

“As pessoas que necessitam de ajuda, podem buscar atendimento tanto nos CAPS como nas UBSs, pois as Unidades Básicas de Saúde trabalham em parceria com a Saúde Mental no auxílio e orientação de pacientes”, explica a coordenadora da Saúde Mental, Fernanda Biudes. Biudes também destaca que em breve haverá um novo Caps III na região da Zona Leste e mais 14 novas Residências Terapêuticas. Os editais encontram-se abertos.

O trabalho da Coordenação da Saúde Mental vem de encontro com os princípios da desistitucionalização, assistência integral à Saúde, cuidado humanizado, por meio de ações de articulação e fortalecimento da RAPS – Rede de Atenção Psicossocial.

Tags: