Sorocaba Park Hotel recebe o 3° Encontro do Selo Social

Por: Bruna Bernardini (programa de estágio) – Supervisão Bia Negrão Duarte

Na manhã desta terça-feira (26), o Sorocaba Park Hotel, localizado na Av. Prof. Joaquim Silva, 205, no Alto da Boa Vista, recebeu o 3° encontro do Selo Social: uma ação entre órgãos públicos, empresas e organizações da sociedade civil que tem a necessidade de inovar através de projetos sociais. A proposta do encontro é alavancar os projetos de cada instituição, auxiliando na criação e  formação de projetos, para que esses possam ser viabilizados para a sua execução.

 O evento conta com a parceria entre a Secretaria de Cidadania e Participação Popular de Sorocaba e o Instituto Abaçaí Brasil, vindo de Santa Catarina para o treinamento e execução de cada ação no município. De acordo com o diretor do instituto, Aureo Giunco, o projeto do Selo Social tem 6 anos de duração em Sorocaba com quatro ciclos diferentes: o primeiro ano como projeto-piloto, realizado em 2014, que não teve tema determinado, na ideia de iniciar o desenvolvimento na cidade, o segundo tema “Reconhecendo e Transformando Sorocaba” com objetivo de entender as reais necessidades do município e transformá-los em melhorias, o terceiro tema “Reconhecendo e Integrando Sorocaba”, para unir a cidade como um todo em ações que viabilizam toda a comunidade e o atual “Inovando e Reintegrando Sorocaba”, trazendo a proposta de inovação e desenvolvimento de projetos nunca antes pensados. O Selo Social terá seu encerramento previsto para Março de 2018, com entrega de certificados para todos os participantes.

 A secretária de Cidadania e Participação Popular e a anfitriã do evento, Juliana Roberta, comentou que “o selo ajuda na construção de uma cidade melhor através de certificações e organizações que realizam projetos sociais de proposta para melhoria da vida e da cidade, a partir da integração dos três setores”. E completa: “a partir de uma reunião com a Carina Giunco, diretora do Instituto Abaçaí Brasil, pude me inteirar sobre a importância do Selo para o desenvolvimento da cidade e da comunidade em geral”.

O evento contou com a presença do Secretário de Cultura, Glauber Piva e Daniel Police, Secretário de Abastecimento e Nutrição. Ambos estavam felizes em participar do evento e ansiosos para as transformações que os projetos inovadores poderão trazer ao município. Estavam presentes também representantes da secretaria da Educação e do Meio Ambiente.

O projeto Selo Social tem atuação em escala nacional, estando presente em 19 cidades e com 565 organizações participantes e atuantes em suas ações; já foram desenvolvidas mais de 750 projetos em todo o país, viabilizando municípios e comunidades através do desenvolvimento de projetos inovadores. Para mais informações, acesse o site: www.selosocial.com.

Tags: