Banco do Povo emprestou mais de R$2 milhões em 2015

Por: claudio rostellato – crostellato@sorocaba.sp.gov.br

A forte crise econômica e a falta de vagas no mercado de trabalho forçaram muitos sorocabanos a dar uma guinada profissional, trilhando o caminho do empreendedorismo. Essa intensa demanda contribuiu para o volume de contratos fechados pelo Banco do Povo de Sorocaba durante o ano passado: 392. Com isso, a unidade fechou o ano com R$ 2.021.034,77 emprestados aos pequenos empreendedores e trabalhadores individuais por conta própria.

Esses recursos ajudaram a realizar o sonho de empreendedores como Bruna Bianca Marani, 22 anos, do Parque São Bento. Ela emprestou R$ 5 mil para adquirir calçados femininos para venda de porta a porta. Comunicativa, a estudante de administração de empresas aproveita o bom relacionamento com os colegas de trabalho, da universidade e do bairro onde vive, para reforçar o salário. “Estou praticando o que aprendo na faculdade e me preparando para o futuro. Pretendo abrir um comércio”, explicou a jovem.

Conforme destaca o secretário de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, Geraldo Almeida, o fator positivo do Banco do Povo é que além de apoiar os pequenos empreendedores, os recursos emprestados ajudam a economia local, pois é aplicado nos estabelecimentos do município. “O crédito barato ajuda pequenos empreendedores a realizar o sonho de abrir ou incrementar seus negócios, com parcelas que cabem no orçamento”, destaca.

A ampliação da loja da empresária Márcia Lino dos Anjos Brito, do Wanel Ville V, só foi possível graças ao apoio do Banco do Povo. Os R$ 4.045,10 emprestados em novembro foram usados na aquisição dos móveis e melhoria do novo espaço da sua loja de roupas, brinquedos, calçados e acessórios usados para crianças. “A loja já estava apertada, não comportava a nossa demanda. A taxa de juro baixa permitiu que pudéssemos investir num espaço bem maior”, contou a empresária.

Os números do ano passado do Banco do Povo ficaram ligeiramente inferiores aos registrados em 2014, quando a unidade sorocabana do microcrédito fechou com pouco mais de R$ 2,3 milhões emprestados para as mais diversas finalidades. Do total de contratos, 64% foram fechados com empreendedores do setor comercial, ficando o setor de serviços na segunda posição com 36%.

Outros indicadores interessantes são: 49% dos contratos foram firmados por Microempreendedor Individual (MEI), formalizado. As mulheres lideraram as tomadas de financiamento, com 57% dos contratos. Outro detalhe interessante é o volume de jovens que decidiu investir na carreira empreendedora: 27% dos contatos foram fechados por pessoas com idade entre 18 a 31 anos de idade.

Linhas de microcréditos

Atualmente, o Banco do Povo de Sorocaba conta com recursos da ordem de R$ 1,6 milhão para emprestar aos empreendedores sorocabanos. As linhas de microcrédito são voltadas às pessoas que trabalham por conta própria, bem como pequenas empresas. Os empréstimos variam de R$ 200 a R$ 20 mil, com juros de 0,35% ao mês. Para visualizar o impacto dessa pequena taxa de juros, numa simulação de crédito de R$ 5 mil o empreendedor pagará 36 parcelas de R$ 148,07, totalizando R$ 5.330,35, ou seja, apenas R$ 330,35 de juros em três anos.

Além da baixa taxa de juros, nos empréstimos do Banco do Povo não há incidência de taxas administrativas, IOF ou tarifas bancárias. Os financiamentos podem ser utilizados como capital de giro, para compra de matérias-primas e equipamentos, entre outros fins. O Banco do Povo Paulista funciona em Sorocaba numa parceria entre a Prefeitura e a Secretaria de Emprego e Relações do Trabalho (Sert).

O Banco do Povo Paulista de Sorocaba funciona junto ao Espaço Empreendedor, mantido pela Prefeitura na Avenida Afonso Vergueiro, 1.927. O atendimento no Banco do Povo é de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h. Mais informações pelo portal www.bancodopovo.sp.gov.br ou pelo telefone (15) 3229-2370.

Tags:,