Endereço: http://agencia.sorocaba.sp.gov.br/cata-treco-recolheu-sessenta-toneladas-de-materiais-na-zona-norte/
Acessado em: 15/07/2024 - 21h17

Cata-treco recolheu sessenta toneladas de materiais na Zona Norte

Por: claudio rostellato – crostellato@sorocaba.sp.gov.br

Realizada pela Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria de Serviços Públicos (Serp), a operação cata-treco fechou a semana com pelo menos sessenta toneladas de materiais inservíveis recolhidos de residências da zona norte da cidade. Esses materiais, constituídos em grande parte por móveis velhos, eletrodomésticos quebrados, metais e plásticos, entre outros, se encontravam armazenados em casas de bairros como Jardim Santo Amaro, Jardim São Guilherme, Jardim Flamboyant e Maria Eugênia.

O objetivo da ação é recolher quaisquer materiais inservíveis que possam se transformar em criadouros do mosquito da dengue, o Aedes aegypti. Um carro de som sempre passa pelas ruas dos bairros nos dias anteriores à ação orientando os moradores a depositarem nas calçadas os materiais que desejam descartar.

A Serp solicita a colaboração dos moradores dessas localidades no sentido de que só descartem móveis quebrados, eletrodomésticos velhos, latas e outros materiais em desuso. A operação cata-treco não recolhe entulho, outros resíduos de construção ou lixo doméstico. Na próxima semana, a ação percorrerá as ruas dos bairros Paineiras, Santa Marina 1 e 2, Santa Luzia e Santa Lucia.

Conforme destaca o secretário Oduvaldo Denadai, é comum os moradores guardarem em casa, principalmente no quintal, objetos e materiais que não utilizam mais, mas que podem reter água e se tornar criadouros do mosquito. “Os moradores dessas regiões da cidade devem ficar atentos e aproveitar para descartar de forma correta esses materiais que não estão sendo usados”, afirma. A ação tem o apoio das Secretarias de Saúde e da Cultura.