Prefeitura contrata 139 profissionais da Educação no primeiro trimestre de 2019

Por: Bruno Rodrigues

Foto: Assis Cavalcante

São 71 professores e 68 auxiliares chamados este ano para ingressar na rede de ensino municipal de Sorocaba

A Prefeitura Municipal de Sorocaba, por meio da Secretaria da Educação (Sedu), em parceria com a Secretaria de Recursos Humanos (Serh), realizará o chamamento de 28 professores estatutários e mais 68 vagas para contratação temporária de auxiliares de Educação, mediante regime das Consolidações das Leis do Trabalho (CLT). Este ano já foram chamados 43 professores concursados. No total, a gestão do prefeito José Crespo chamará 139 profissionais da Educação neste primeiro trimestre de 2019.

O prefeito José Crespo explica sobre a importância da autorização do chamamento dos profissionais. “Nós estamos trabalhando para que o andamento da educação em Sorocaba siga com excelência. Sabemos da real necessidade das nossas escolas para completar o quadro profissional e, para tanto, contamos com empenho e dedicação destes novos profissionais que estão chegando. Independentemente de serem estatutários ou profissionais contratados pelo regime CLT”, salienta o chefe do Executivo.

Os candidatos contratados para a função de auxiliar de Educação atuarão em substituição a servidores ocupantes de cargos afastados de suas funções, por período superior a 30 dias. A chamada seguirá a classificação dos candidatos aprovados no Concurso Público – Edital nº 08/2014, que não assumiram as vagas, nos termos da Instrução Conjunta SEDU-SERH nº 01/2019. Os candidatos serão convocados pela Secretaria de Recursos Humanos, através de comunicado a ser publicado no Jornal do Município desta sexta-feira, 8 de março.

Em 2018, a prefeitura já havia chamado 50 auxiliares de Educação concursados. De acordo com o secretário da Educação, André J. Gomes, a atual administração em procurado atender as demandas da pasta com eficácia e responsabilidade. “A gestão tem se empenhado para mesclar de maneira cuidadosa os chamamentos de estatutários e profissionais oriundos do regime CLT, de modo a atender todas as necessidades da rede e priorizar as crianças”, disse.

Muito mais por Sorocaba!

Tags:,