Endereço: http://agencia.sorocaba.sp.gov.br/viajando-de-trem-para-mongagua-esta-em-cartaz-na-biblioteca-infanti/
Acessado em: 19/05/2024 - 04h44

“Viajando de trem para Mongaguá” está em cartaz na Biblioteca Infantil

Por: Laura Vieira - lauravieira@sorocaba.sp.gov.br

Exposição fotográfica celebra os 141 anos da inauguração da Estrada de Ferro Sorocabana e também os 30 anos dessa biblioteca, ligada à Secult

Ligadas pelo traçado da linha ferroviária, Sorocaba e Mongaguá construíram uma história de indas e vindas que fez nascer novos negócios, amizades e até grandes amores. Em comemoração aos 141 anos da inauguração da Estrada de Ferro Sorocabana e também os 30 anos da Biblioteca Infantil “Renato Sêneca de Sá Fleury”, a Secretaria da Cultura (Secult) reuniu um acervo com 62 fotos sobre o tema, que pode ser conferido pelo público na exposição “Viajando de Trem para Mongaguá”. A mostra ocorre até o dia 29 de julho, na própria Biblioteca Infantil.

De acordo com o coordenador da Biblioteca Infantil, José Rubens Incao, a relação afetiva que os sorocabanos têm com Mongaguá teve início há pelo menos 80 anos. Ele explica que quando as oficinas das locomotivas chegaram ao município, na década de 1930, os aproximadamente 6 mil funcionários passaram a morar nas vilas Santana e Carvalho. “A Sorocabana oferecia benefícios a essas pessoas, como descontos na passagem de trem. Durante as férias, muitos deles iam até Mongaguá, pois essa era a diversão da época. Essa viagem foi feita até os anos 80.”

Por conta de Mongaguá ser uma em desenvolvimento naquele tempo, José Rubens conta que os sorocabanos tiveram que construir suas próprias hospedagens. “Eles se juntavam e construíam casas em sociedade. Havia um revezamento entre as famílias, em cada temporada era uma que podia usar”, lembra o coordenador.

As fotos mostram curiosidades também sobre o percurso que durava cerca de 6 horas. “Por ser uma viagem longa, as mães faziam comida e todos dentro do trem dividiam: um experimentava a do outro. Era uma festa! Todos acabavam se conhecendo”, conta.

As fotos

O objetivo da exposição é relembrar esses momentos que estão na memória de muitos sorocabanos. O acervo colaborativo foi conseguido pela Secult por meio de divulgação na imprensa e no “boca a boca”. A direção da biblioteca pediu a ajuda da comunidade e foi atendida. “As pessoas trouxeram suas fotos pessoais e selecionamos as imagens mais expressivas para participar da mostra”, explica José Rubens. Após o período da exposição, o material será devolvido aos donos.

A Biblioteca Infantil está localizada na Rua da Penha, 651, no Centro, e funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (15) 3231.5723.